Relogio Com Comentario

VERSÍCULO DO DIA

quinta-feira, 7 de julho de 2011

O PROJETO ORIGINAL DO REINO DE DEUS.

LIÇÕES BÍBLICAS - 3º TRIMESTRE 2011 - A  MISSÃO INTEGRAL DA IGREJA.
( Porque o Reino de Deus esta entre vós) 

LIÇÃO 1.

OBJETIVOS PRINCIPAIS
1.   Compreender o conceito Bíblico de Reino de Deus e Reino dos Céus, e que essas expressões são sinônimas.
2.   Saber que o Reino de Deus está presente e é atual.
3.   Entender como se manifesta o Reino de Deus através de nós.

INTRODUÇÃO
-  Desejamos que a Igreja do Senhor, na atualidade, busque intensamente estabelecer os valores do Reino de Deus através da prática e vivência. Mas que faça isso de forma integral, que é a proposta de estudo deste trimestre. Abrangendo, assim, as pessoas em toda sua totalidade (espírito, alma e corpo). Ver quadro na Revista (Pág. 5).

I.          CONCEITO BÍBLICO DE REINO DE DEUS
-  Devemos deixar claro aos nossos alunos que a expressão Reino de Deus sempre que se evidenciar nas Escrituras estará sempre enfocando a sua forma INTEGRAL. (A Missão Integral da Igreja).
1.   Definição de Reino de Deus. Podemos definir o Reino de Deus como a soma de “Todas as bênçãos, promessas e alianças que o Todo-Poderoso destinou aos que receberam a Jesus Cristo.”
2.   Os aspectos do Reino de Deus. De acordo com as Escrituras, o Reino de Deus apresenta tanto o aspecto passado, como o presente e o futuro. Senão Vejamos:

II.        O REINO DE DEUS NAS ESCRITURAS E SUAS MANIFESTAÇÕES (Ponto III)
1.   No passado.
a.   Passado - Antigo Testamento. Apesar da expressão REINO DE DEUS não aparecer claramente, não indica que não haja uma manifestação notória do Reino de Deus atuando no meio do povo Judeu. Vejamos:
·  O Senhor é apresentado como Rei: Is 43.15; e Rei de todo o Universo: Sl 24.
·  A nação de Israel era uma Teocracia: Dt 17.14,15; Dt 28.36.
·  Foram estabelecidas normas de governo entre o rei e o povo: 1Sm 8.10-22.
·  Esse reino tinha por objetivo implantar um Reino Eterno de paz e justiça: Dn 7.13-14.
·  O povo judeu impediu que se seguisse esse propósito rejeitando o REI: Jo 1.11.
·  Por esse motivo foram impedidos de proclamarem a propagação desse Reino: Mt 21.43.
·  A proclamação do Reino agora é de responsabilidade da IGREJA (um povo que produza seus frutos): Mt 21.43.
b.   Passado - Novo Testamento. A mensagem central do ensino neotestamentario é o Reino de Deus, e podemos constatar isso pelo modo como alguns dos principais protagonistas desse Reino promoveram sua proclamação por meio de seus ensinos enfáticos e contundentes.
·  JOÃO BATISTA: João apareceu no deserto pregando uma mensagem dura e objetiva, e concluía a mesma enfatizando que o Reino de Deus era chegado. E se alguém desejasse fazer parte do mesmo, deveria produzir frutos dignos de arrependimento (Mt 3.10).
·  JESUS CRISTO: Proclamou o Reino de Deus enfatizando a prioridade que se deve dar ao mesmo, assegurando-nos que todos que assim procedessem teriam como recompensa o suprimento de todas as outras necessidades (Mt 6.33).
·  OS APOSTOLOS: Todos deveriam cumprir a missão de expandir o Reino de Deus a todos quantos pudessem ser alcançados, porém, o mesmo permaneceu limitado aos limites legalistas, culturais e religiosos (Mt 4.19).
·  PAULO: Paulo, por sua vez, foi chamado e comissionado com o propósito de expandir esse Reino e levá-lo além fronteiras, e alcançar pessoas que não conheciam a Lei nem a religiosidade Judaica, por isso, o Reino de Deus nos alcançou (At 9.15).
2.   No presente. O Reino de Deus não é uma questão de comida ou de bebida, mas de viver corretamente, em paz e com a alegria que o Espírito Santo dá. E quem serve a Cristo dessa maneira agrada a Deus e é aprovado por todos. Por isso, procuremos sempre as coisas que trazem a paz e que nos ajudam a fortalecer uns aos outros na fé (Rm 14. 17-19).
3.   No futuro. Este aspecto trata do Reino Milenial de Cristo, e que por se tratar de um assunto muito complexo, e devido à limitação de espaço e tempo, podemos marcar uma abordagem mais adequada em ocasião posterior. Porém, diga que muito breve estaremos todos - os que forem fiéis a Jesus e à sua Palavra - em um regime monárquico onde o Próprio JESUS será nosso REI (Ap 20).

CONCLUSÃO
-  No Reino de Deus, a vontade do REI é conhecida por meio de sua Carta Magna, e deve ser seguida e obedecida com amor, devoção, prazer, submissão, dever e gratidão (Rm 5.5; 2Co 9.13; Lc 18.1; Jn 2.9). PORQUE ELE É DIGNO DE HONRA, GLORIA E LOUVOR PELOS SÉCULOS DOS SÉCULOS...

Imagem do avatar

Por Membro da Igreja Evangelica assembléia de Deus Templo Central desde 1990, Diacóno da Igreja, Teólogo com especialização em Apologetica e Religioes Mundias pelo ICP- Instituto Cristão de Pesquisas, em Jundiaí-Sp. Onde foi representante do mesmo para o Ceara, e Palestrante nas Areas de Seitas&Heresias e Religioes Mundias. de 2000 a 2009. Atualmente exerce o Magisterio nas Disciplinas: Apologética, Arqueologia Biblica, Religiões Mundias Seitas&Heresias, e Maneiras e Costumes dos tempos Biblicos. nos Seguintes seminarios: STCF- Seminario Teologico Cidade dos Funcionarios. STADEC- Seminario Teologoco das assembleias de Deus do Ceara. SETELACE- Seminario Teologico de lideres das Assembleias de Deus do Ceara.

Um comentário:

  1. Paz do Senhor professor Abdias muito bom esta postagem, de uma forma bem sucinta serviu de grande valia.
    Marcelo Pessoa

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário... Assim você estará contribuindo com nossos leitores. Grato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...