Relogio Com Comentario

VERSÍCULO DO DIA

sábado, 20 de agosto de 2011

CATOLICISMO ROMANO E SUAS HERESIAS

INTRIDUÇÃO: Século XXI, todos nós temos constatado que esse é o século da tecnologia, da internet, do computador e da era digital, o que concordamos em numero genero e grau, e ousamos afirmar que muitas evoluções e inovações estão por vir, pois o homem tem uma inteligência fora do comum, capaz de descobrir coisas que ele mesmo se surpreende. O que infelizmente ja não podemos afirmar no que diz respeito aa HERESIAS, OS FALSOS PROFETAS e seus ensinos distorcidos, os séculos passaram, a ciência evoluiu, a tecnologia enfim, em tudo houve uma grande evolução, no entanto a forma maléfica de se ensinar e propagar as HERESIAS continua a mesma, sempre tentando distorcer as verdades da BIBLIA SAGRADA, mudam-se as táticas, as roupagens, porem o conteúdo é sempre o mesmo, ENSINO FRAUDULENTO, DESPROVIDO DA VERDADE BIBLICA. Analisemos os ensinos de uma das mais conhecidas e frequentada igreja, que inclusiva toma para si o titulo de a única verdadeira, Fato que com uma simples consulta ao texto sagrado, podemos sem muita dificuldade verificar que o que dizem não passa de uma fraude e tentativa de conter e impedir a propagação da verdadeira palavra de DEUS.

ENSINOS DO CATOLICISMO
1.   A Igreja Católica é a única Igreja de Cristo. E, portanto, fora dela não há salvação.
2.  A missão de Jesus não é salvar os pecadores, mas sim, julgá-los e puni-los. Quem tem por ofício nos salvar, é Maria, não Cristo.
3.   As estátuas de Maria podem chorar sorrir, sangrar, exalar fragrância e até falar.
4.  Maria morreu para nos salvar, ressuscitou dentre os mortos e subiu ao Céu em corpo e alma, onde, como Rainha junto ao Rei, intercede por nós junto a Cristo. (Aliás, a suposta ressurreição de Maria já é doutrina de fé, mas ainda não é artigo de fé, isto é, dogma. Logo, se algum católico crer que ela foi assunta ao Céu, sem passar pela morte, não será, por isso, excomungado.)


   5.  Maria, a quem o Pai deu o ofício de nos salvar, é:
   Ø  A verdadeira medianeira entre Deus e os homens.
   Ø  A única advogada dos pecadores.
   Ø  Nosso único refúgio.
   Ø  A salvadora da humanidade.
  Ø  A porta de acesso ao Céu, pela qual, todos os que se salvam, têm que passar.
   Ø  A escada do Paraíso.
   Ø  O caminho que conduz a Deus.
Ø  Nossa Corredentora.
Ø  Nossa Senhora.
Ø  Nossa Mãe; entre muitos outros.

Sobre o perdão dos pecados, a Igreja Católica prega o seguinte:
1.    O perdão dos pecados não anula a sentença do pecador, mas tão-somente diminui a pena; por cujo motivo, para cada pecado perdoado há uma pena a ser cumprida. Logo, o perdoado não poderá entrar no Céu sem antes cumprir a pena devida pelo pecado já perdoado. Além disso, ter-se-á que se tornar perfeito.
2.    A pena devida pelo pecado já perdoado pode ser cumprida neste mundo através de boas obras e/ou sofrimentos. Mas, se não for cumprida aqui na Terra, sê-lo-á no além-túmulo, no estado chamado purgatório.
3.    Há um expediente chamado indulgência, que se divide em duas: plenária e parcial. Esta diminui a pena que o perdoado tem que cumprir antes de entrar no Céu; e aquela elimina todas as marcas deixadas pelo pecado já perdoado. Portanto, a menos que o portador de uma indulgência plenária ainda não tenha se tornado perfeito, à morte irá direto para o Paraíso Celestial.
4.    Os recém-nascidos não batizados não são filhos de Deus, mas sim, escravos do poder das trevas e estão debaixo do poder do Maligno. E, se morrerem sem o batismo, vão para um lugar onde não podem ver a face de Deus. Neste lugar, tais criancinhas vivem um estado chamado Limbo, do qual talvez possam sair um dia.
Sobre a Bíblia, a Igreja Católica prega o que:
1. Só o Papa pode interpretar corretamente a Bíblia. E sua pronunciação da mesma é isenta de todo e qualquer erro. Logo, quando, neste caso, nossa interpretação não coincide com a dele, invariavelmente o erro está em nós. E, sendo assim, todos, inclusive os bispos, devem duvidar da autenticidade de possíveis conclusões pessoais opostas à pronunciação hermenêutica de Sua Santidade, já que, neste caso, o Papa é infalível.
2.  A Bíblia dos evangélicos é incompleta e indigna de confiança. É incompleta porque não contém os Deuterocanônicos, que eles chamam de Apócrifos; e é indigna de confiança porque não desfruta do IMPRIMATUR de uma autoridade católica, isto é, o próprio Papa ou um Bispo ordenado pelo sucessor de São Pedro.
3.    A Bíblia, além de conter erros, não é a única fonte de fé do cristão, visto que Deus nos deu também a Tradição (isto é, a pregação de Jesus Cristo que não foi escrita, mas transmitida oralmente através dos séculos, pelo clero da Igreja católica) e o infalível Magistério da Igreja (o Papa e os Bispos), o único encarregado por Deus de interpretá-la corretamente.
4.    Embora a Bíblia e a Tradição constituam “um só sagrado depósito da Palavra de Deus”, a Tradição está acima da Bíblia.
5.    Os Bispos também são infalíveis na interpretação da Bíblia, mas só enquanto em comunhão com o Papa. Consequentemente, se um bispo pronunciar contra uma declaração ex-cátedra de Sua Santidade, demonstrará, com isso, que já não está em comunhão com o sucessor de São Pedro; e que, portanto, não deve ser seguido, visto estar claro que já perdeu o carisma de infalibilidade com a qual Cristo dotou o Magistério da Igreja.
6.    Diferentemente dos Bispos e seus superiores hierárquicos, os Padres não são infalíveis, pois não receberam de Deus o ofício de interpretar a Bíblia, mas sim, o de repetir aos ouvidos de seus fiéis, o que foi decidido pelo infalível Magistério da Igreja. E aos leigos compete acatar, sem questionar, visto que nenhuma das pronunciações Bíblicas de Sua Santidade está em discussão.
OUTROS ENSINAMENTOS
1-    O pão (hóstia) da Eucaristia (que nós, os evangélicos, chamamos de Santa Ceia do Senhor), devido à transubstanciação, não é um símbolo do corpo de Cristo, mas sim, o próprio Jesus. A hóstia é Jesus Cristo completo, com Seu corpo, Sua alma, Seu sangue, Sua divindade... Santo Tomás de Aquino cria que até os ossos, nervos, e tudo o mais, de Cristo, estão presentes na hóstia. E a esse “Jesus” transubstanciado, também chamado de Jesus Eucarístico, os clérigos católicos prestam o culto supremo de adoração, devido somente a Deus, já que Cristo é Deus, e a hóstia é Cristo. Ademais, embora esteja escrito na Bíblia “coma deste pão e beba deste cálice”, os Papas definem, com sua autoridade apostólica, que beber o vinho não é necessário aos fiéis leigos, podendo ser bebido apenas pelos clérigos.

2-    Os espíritos dos mortos podem se comunicar com os vivos e até pedir missas.

3-   Embora o apóstolo Paulo tenha dito que “convém que o Bispto seja marido de uma só mulher”, do que se depreende que havia Bispos casados na Igreja Primitiva, decidimos _ com a nossa autoridade apostólica _ por conferir o Sacramento da Ordem somente aos que optam pelo celibato. E para tanto nos respaldamos no próprio apóstolo Paulo, que também reconheceu que o celibato é o que há de melhor para os vocacionados ao Santo Ofício Pastoral.

4-   Um casamento autêntico _ isto é, celebrado por um Padre, dentro dos moldes do Catolicismo _, só será desfeito mediante a morte de um dos cônjuges. Logo, os que, nesta condição, se divorciaram _ mesmo por terem sido traídos por seus respectivos cônjuges adúlteros _ e contraíram novas núpcias, estão em pecado de adultério. E Jesus asseverou que os adúlteros não herdarão o Reino de Deus. Portanto, os tais não podem (até que se corrijam) comer a hóstia;

5- O culto que a santa Igreja Católica presta a Maria e aos demais santos, quer direto, quer indiretamente (através de suas imagens), não é um ato idolátrico _ como erroneamente o supõem os protestantes _, já que não cultuamos aos deuses, e sim, aos santos. O culto às imagens dos santos difere do culto aos deuses, praticado pelos pagãos e proibido pelas Sagradas Escrituras. Não é difícil perceber a grande diferença existente entre o culto aos deuses, prestado pelos pagãos, e o culto que nós, os católicos, devotamos à Mãe de Deus e aos demais santos. Ao culto a Maria e aos demais santos, chamamos, respectivamente, de hiperdulia e dulia; ao passo que ao culto de adoração devido só a Deus, damos o nome de latria. Sim, não adoramos aos santos, mas tão-somente lhes prestamos culto, isto é, veneração. Realmente, só Deus é digno de adoração. E, por isso mesmo, só tributamos o culto latrêutico, a Deus.

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Podemos ver claramente que tais ensinos, doutrinas e dogmas aqui apresentados quando colocados e confrontados com a Bíblia Sagrada que é a Palavra de Deus não registem e logo caem por terra, ficando assim claro que o intento dos lideres da igreja católica romana não é outro senão alimentar seus próprios interesses pessoais, financeiros, e promover a causa do inimigo da IGREJA DE CRISTO, que é roubar-lhe a devida GLORIA, a quem nós repudiamos de forma veemente, e afirmamos com convicção que só JESUS, é digno de HONRA, GLORIA E LOLOVOR PELOS SÉCULOS DOS SÉCULOS.



REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS
-Vinte Razões Porque Não Sou Católico – Amilton Justus – Editor
-Roma Sempre a Mesma - Hipólito Campos – 1ª edição.
-Por que estes ex-protestantes se tornaram católicos? MOURA, Jaime Francisco de. São José dos Campos: Editora COMDEUS. 4 ed. 2007,  pp. 89-90).
-Catolicismo romano que seita é essa?- Joel Santana.
    
EDITADO E ADAPTADO POR:
ABDIAS BARRETO
CONTATOS:
(85).8857-5757
Ab7.7@hotmail.com
 

4 comentários:

  1. Otimo estudo , Prof.Abdias ! GOsto de seus estudos e o acompanho pelas sua fanpage. CAiará a Babilonia.JEsus nao tardará e o cálice que as nações estao bebendo da taça do regime papal, será cobrado duramente pelas maõs do Gande Eu Sou" MAranata , JEsus de NAzaré!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ok...
      Fico agradecido!
      divulgue entre seus amigos.

      Excluir
  2. quase chorei de tanta heresia
    como martinho lutero eu conheci a biblia e abria meus olhos pra vdd

    ResponderExcluir
  3. quase chorei de tanta heresia
    como martinho lutero eu conheci a biblia e abria meus olhos pra vdd

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário... Assim você estará contribuindo com nossos leitores. Grato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...