Relogio Com Comentario

VERSÍCULO DO DIA

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

BATISMO NAS AGUAS

EM NOME DE QUEM DEVEMOS SER BATIZADOS
Homens discutem e igrejas dividem sobre a suposta diferença entre o mandamento de Jesus em Mateus 28:19 (“batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”) e a prática dos apóstolos e evangelistas na igreja primitiva (batismo em nome de Jesus — veja Atos 2:38; 8:16; 10:48; 19:5). Alguns rejeitam as palavras de Mateus. Outros negam a validade do batismo porque as “palavras certas” não foram faladas na hora do batismo.
Não há contradição entre essas passagens, nem motivo para causar divisões. Devemos observar:
Os sentidos diferentes de “em nome de”. Embora a tradução portuguesa não distingue, há uma diferença interessante no grego. Em Mateus 28:19, o sentido é de batizar para entrar no nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. No batismo, nascemos de novo para entrar no reino de Deus (João 3:5), onde temos comunhão com o Pai (João 14:23), o Filho (João 14:23; Gálatas 3:27) e o Espírito Santo (1 Coríntios 6:19). A mesma preposição usada em Mateus 28:19 aparece, também, em Atos 8:16 e 19:5. Esses dois versículos, como Gálatas 3:27, afirmam que entramos em Cristo através do batismo. Pelo fato que Cristo é perfeitamente unido com as outras pessoas divinas, quando entramos em comunhão com ele, gozamos, também, de comunhão com os outros (João 17:20-21). Em Atos 2:38 e 10:48, outras preposições gregas têm o sentido de “pela autoridade de” Jesus.
Que esses trechos não falam de algum tipo de cerimônia de batismo. Como já observamos, falam sobre a autorização e o propósito do batismo. Jesus não sugeriu o uso de “palavras mágicas” para validar o batismo.

Que esses trechos não se contradizem. Jesus mandou que os apóstolos batizassem para entrar no nome do Pai, Filho e Espírito Santo. Quando eles obedeceram e realizaram batismos, fizeram isso, de fato, pela autoridade de Jesus. Quando pessoas obedeceram ao evangelho, foram batizadas para entrar em comunhão com Jesus. As pessoas que sugerem algum tipo de contradição aqui esquecem da perfeita unidade de Deus (João 17:22-23).
A pessoa batizada no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo o faz pela autoridade de Cristo. E a pessoa batizada em nome de Jesus entra em comunhão com o Pai, o Filho e o Espírito Santo.



Fonte:  http://www.estudosdabiblia.net

ABDIAS BARRETO 
Contatos: (85).8857-5757. 
profabdias@gmail.com 
Deixe Um Comentário 
GRATO!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Comentário... Assim você estará contribuindo com nossos leitores. Grato!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...