Relogio Com Comentario

VERSÍCULO DO DIA

terça-feira, 12 de março de 2013

JESUS ESTA ASSENTADO A DIREITA DE DEUS

JESUS ASSENTADO À DIREITA DE DEUS


Várias passagens no Novo Testamento, nos falam de JESUS assentado á mão direita de Deus. Pedro usou essa expressão em Atos 2:34, citando o Salmo 110:1. De acordo com Atos 7:55, Estevão levantou os olhos para os céus, enquanto era apedrejado até a morte, e "viu a glória de Deus, e JESUS, que estava à sua direita". Que significa essa expressão? Será que significa que há duas manifestações físicas de Deus no céu, Deus e JESUS, com o segundo permanentemente á mão direita de Deus? Foi isso que Estevão viu?

Não devemos interpretar "a mão direita de Deus, literalmente, como uma mão física. Primeiro, porque nenhum homem jamais viu a Deus, nem ninguém pode vê-lo (João 1:18; 1 Timóteo 6:16; 1 João 4:12). Deus é Espírito, e como tal, Ele é invisível (1 Timóteo 1:17). Ele não tem uma mão direita física, a menos que Ele escolha se manifestar em forma humana. Sabemos que Estevão não viu, literalmente, Deus e JESUS separados. Se ele viu duas pessoas, porque iria ignorar uma delas, orando apenas a JESUS? (Atos 7:59 e 60). Se ele viu manifestações físicas, separadas, do Pai e do Filho, porque não viu o Espírito Santo, como uma terceira pessoa? Uma leitura cuidadosa de Atos 7:55, nos permitirá afirmar que Estevão não viu Deus separado de JESUS. O versículo 55, não diz que ele viu o Espírito de Deus, mas nos diz que ele viu "a glória de Deus" e JESUS. No versículo 56, Estevão disse: "Eis que vejo os céus abertos e o Filho do homem em pé á destra de Deus". A única imagem visual ou pessoa que Estevão realmente viu, foi JESUS Cristo.

Outros problemas surgem, quando tomamos "a mão direita de Deus" no seu sentido literal. Será que JESUS está assentado à mão direita de Deus, como registra Atos 2:34, ou está em pé à destra de Deus, como está registrado em Atos 7:55 e 56? Será que JESUS está assentado sobre a mão direita de Deus estendida, ou está assentado ao lado da mão direita? Será que JESUS está no seio do Pai? (João 1:18). O que comentar a respeito de Apocalipse 4:2, que descreve um trono no céu, e um que está assentado no trono? Será que o Pai está assentado no trono, e JESUS está assentado ao lado? O que dizer então, a respeito do fato de JESUS ser O que está assentado no trono? (Apocalipse 4:2,8; 1:8,18).

Obviamente então, a descrição de JESUS à mão direita de Deus, tem que ser figurativa ou simbólica. Na verdade isso fica evidente, por haver várias referências, através de toda a Bíblia, à mão direita de Deus. No Salmo 16:8, Davi escreveu: "O SENHOR, tenho o sempre à minha presença; estando ele à minha direita não serei abalado". Será que isso significa que o SENHOR estava sempre, fisicamente, presente á mão direita de Davi? O Salmo 77:10 diz: "E logo me lembrei dos anos da destra do Altíssimo". Será que o salmista prometeu se lembrar dos anos, quando Deus tinha uma mão direita? O Salmo 98:1 declara, a respeito do SENHOR: "A sua destra e o seu braço santo lhe alcançaram a vitória". Será que isso significa que Deus derrotou Seus inimigos, tendo a mão direita mantida às costas, e esmagando-os com uma mão direita física?

O Salmo 119:31, afirma que o SENHOR "se põe à direita do pobre". Será que Ele se coloca fisicamente entre os pobres, durante todo o tempo? O SENHOR declarou, em Isaias 48:13: "A minha destra estendeu os céus", e em Isaias 62:8, o SENHOR jurou por Sua mão direita. Será que Deus estendeu uma grande mão e, literalmente, cobriu o céu? Ou será que Deus colocou Sua mão esquerda sobre Sua mão direita, e jurou por ela? Será que JESUS expulsou demônios pelo dedo de Deus? (Lucas 11:20). Será que Ele estendeu dos céus um dedo gigantesco, e expulsou o demônio das pessoas? Naturalmente, a resposta a todas essas perguntas é "Não". Portanto, precisamos entender "a mão direita de Deus", num sentido figurativo, simbólico ou poético e não num sentido físico, real. Assim sendo, o que significa esta frase? Na Bíblia, a mão direita, significa força, poder, importância e preeminência, assim como, no uso comum, em frases como: "Ele é minha mão direita", ou "eu daria minha mão direita por isso". Um estudioso diz: "falamos da onipotência de Deus, em termos de mão direita, porque entre os homens, a mão direita é símbolo de força e poder. Dizemos que a preeminência está assentada à direita de Deus, porque nos relacionamentos sociais dos homens, a posição à direita, ocupada pelo hóspede, era o lugar de mais alta honra. E interessante e instrutivo usarmos alguns exemplos bíblicos, para mostrar essa associação que existe entre a mão direita e o poder. Êxodo 15:6 proclama: "A tua destra, ó SENHOR, é gloriosa em pode?’. O Salmo 98:1 e o Salmo 110:1, associam a destra de Deus com a vitória sobre os inimigos. Quando a Bíblia fala de JESUS assentado á direita de Deus, ela quer dizer que JESUS tem todo o poder e autoridade de Deus. O próprio JESUS deixou isso claro, em Mateus 26:64:

"Entretanto, eu vos declaro que desde agora vereis o Filho do homem assentado á direita do Todo-poderoso, e vindo sobre as nuvens do céu". (Veja também, Marcos 14:62; Lucas 22:69). Desse modo, JESUS declarou ter todo o poder de Deus; assim sendo, Ele declarou que Ele mesmo era Deus. Os judeus entenderam essas declarações e por causa delas, o sumo sacerdote acusou JESUS de blasfêmia (Mateus 26:65). Aparentemente, o sumo sacerdote conhecia o significado simbólico dado à mão direita no Antigo Testamento, e assim, compreendeu que JESUS estava afirmando ter o poder de Deus e ser Deus. 1 Pedro 3:22, demonstra que a "destra" significa que JESUS tem todo o poder e autoridade: "O qual, depois de ir para o céu, está à destra de Deus, ficando-lhe subordinados anjos, e potestades, e poderes". Do mesmo modo, Efésios 1:20-22, usa essa expressão para dizer que JESUS tem preeminência sobre todo principado, e potestade, e poder, e domínio e de todo nome. Essa passagem liga também, a mão direita com a exaltação de Cristo. Nesse contexto, Atos 5:3 1 afirma: "Deus, porém, com a sua destra, o exaltou a Príncipe e Salvador, a fim de conceder a Israel o arrependimento e a remissão de pecados". (Veja também, Salmo 110:1; Atos 2:33 e 34).

Atos 5:31, indica que a mão direita ou o braço de Deus, às vezes, se referem especialmente ao poder de Deus na salvação. Muitos outros versículos das Escrituras ao falarem da destra de Deus, referem-se a libertação e a vitória que Deus concede a Seu povo (Êxodo 15:6; Salmo 44:3; Salmo 98:1). Isaias 59:16 diz: "O seu próprio braço lhe trouxe a salvação". Portanto, a descrição de JESUS á direita de Deus, significa que JESUS é a expressão do poder salvador de Deus. Essa idéia está de acordo com a ligação da posição de JESUS à direita de Deus, com Seu papel como mediador, particularmente Sua obra como nosso intercessor e sumo sacerdote (Romanos 8:34; Hebreus 8:1).

Mesmo compreendendo a destra de Deus dessa maneira, podemos ainda nos perguntar porque a Bíblia fala as vezes, que JESUS "assentou-se" à direita de Deus (como em Hebreus 10:12), em vez de simplesmente dizer que Ele está à direita de Deus (como em Romanos 8:34). E provável que essa frase em particular, indique que JESUS recebeu completa glória, poder e autoridade, a um determinado ponto no tempo. Essa exaltação começou com Sua ressurreição, e se completou com Sua ascensão. Naquele momento Ele se libertou de todas as limitações humanas, e restrições físicas. Isto, ao contrário da auto limitação a qual JESUS se submetera na Encarnação, como está descrita em Filipenses 2:6-8. Ele completou Seu papel como homem, andando sobra a face da terra.

JESUS não se submete mais à fragilidade e á fraqueza humana. Ele não é mais o servo sofredor. Sua glória e majestade, e Seus outros atributos divino, não estão mais escondidos do espectador casual. Agora, Ele exerce Seu poder como Deus, através de um corpo humano’ glorificado. Agora, Ele se mostra, e se mostrará como o Senhor de tudo, o Justo Juiz, e o Rei de toda a terra. Foi por isso que Estevão não viu JESUS Cristo, como o homem comum que Ele parecia ser quando estava na terra, mas viu a JESUS com a glória e o poder de Deus. Assim. também, João viu JESUS revelado como Deus, em toda Sua glória e poder (Apocalipse 1). Essa exaltação, glorificação e revelação de Cristo, culminou em Sua ascensão. Marcos 16:19 diz: "De fato o Senhor JESUS, depois de lhes ter falado, foi recebido no céu, e assentou-se à destra de Deus".

A palavra "assentou-se", indica que a obra sacrificial de Cristo não está continuando, mas está completa. "Depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se á direita da majestade nas alturas" (Hebreus 1:3). "Ora, todo sacerdote se apresenta dia após dia, a exercer o serviço sagrado e a oferecer muitas vezes os mesmos sacrifícios... JESUS, porém tendo oferecido, para sempre, um único sacrifício pelos pecados, assentou-se à destra de Deus, aguardando, daí em diante, até que os seus inimigos sejam postos por estrado dos seus pés" (Hebreus 10 1 1:13).

Em resumo, encontraríamos muitas contradições se interpretássemos a descrição de JESUS á destra de Deus, como significando um posicionamento físico de dois Deuses, com corpos separados. Se entendermos essa descrição, como simbolizando poder, força, autoridade, preeminência, vitória, exaltação e a capacidade de salvar, de JESUS manifestado na carne, então eliminaremos os conceitos conflitantes. Mais do que isso, essa interpretação condiz com o uso da expressão "a mão direita de Deus", através de toda a Bíblia. A "mão direita ", revela a onipotência e a absoluta divindade de JESUS, e sustenta a mensagem do único Deus, em Cristo.

Voltando à questão original, o que Estêvão realmente viu? Fica claro, que ele viu JESUS. Isaias 40:5, com referência à vinda do Messias, diz: "A glória do SENHOR se manifestará, e toda a carne a verá". JESUS é a glória de Deus revelada. Em resumo, ele viu o Cristo exaltado. Ele não viu JESUS simplesmente como homem, mas como o próprio Deus, com toda a glória, poder e autoridade. Por isso ele clamou a Deus dizendo: "Senhor JESUS, recebe o meu espírito!" (Atos 7:59)



"Quando DEUS trabalha O HOMEM muda!" 




Contatos: (85).8857-5757. 
profabdias@gmail.com


sábado, 2 de março de 2013

A ALEGRIA FAMILIAR - COMO RESTITUI-LA

EM BUSCA DO QUE SE PERDEU - A ALEGRIA NO LAR.

"Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar? E achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida. Assim vos digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende." Lucas 15:8-10.

A família tem sido o alvo tanto de Deus para a edificar, como também do inimigo para a destruir.
Um outro problema que tem feito com que as famílias percam alguns valores é a correria do dia a dia, em função do capitalismo, que tem cerceado o tempo dos pais (os conjugues) e também em relação aos filhos.

DEFINIÇÃO DE LAR: Lugar onde se mora e se vive. Portanto, é o lugar onde deveríamos ver a alegria transbordando.
Bem no trabalho
Bem nos estudos <---------> Provérbios 31:10-31
Bem na igreja
NOTAS:
a) Trabalho: Trabalhamos melhor e produzimos mais quando tudo vai bem em casa. Queremos voltar para o lar o mais rápido possível e com a satisfação.
b) Estudos: Geralmente os péssimos alunos são de famílias destruídas ou em decomposição.
c) Igreja: Muitas pessoas vão ao templo/igreja, como cacos ambulantes, na esperança de receberem uma benção para reconstruir sua família. Se fosse o contrário e saíssemos de casa para o culto com alegria, certamente o mesmo seria mais festivo e cheio de louvores e nos renderíamos mais a Deus.

"DRACMA" UMA FIGURA CHEIA DE VERDADE

DRACMA = Moeda = valores = 10 dracmas = 10 valores

A mulher tinha 10 valores, perdeu 1 valor e procurou até achar.
Quais os valores que já sumiram em sua casa? Em seu casamento? O que você tem feito para resgatá-los?

VEJAMOS ABAIXO ALGUNS EXEMPLOS DE VALORES PERDIDOS
I - SUMIU A DRACMA DO RESPEITO:
Respeitar é considerar o valor do outro. Quem respeita, ouve com atenção e participa dos sonhos do outro. I Pedro 3:1 e 7.
Sumiu o diálogo e o respeito entre pais e filhos. Leia Colossenses 3:20-21.
Quantos maridos desrespeitam suas esposas no relacionamento sexual. I Cor. 7:3-5.

II - SUMIU A DRACMA DO CARINHO:
O carinho é uma manifestação de amor, ele desemboca no beijo, no abraço gostoso.
O carinho de pai e filho que andam sempre juntos, que desenvolvem um diálogo amigo.
O carinho de cônjuges que ainda trocam elogios, prioriza um ao outro e transpiram prazer quando estão perto. I Pedro 3:8-9.
Nota: Destacamos 2 lindas expressões neste texto acima citado: “fraternalmente amigo” e “bendizendo”.
*Você já beijou seu conjugue hoje? Já declarou amor a seu filho (a)? Já abraçou seus pais?
III - SUMIU A DRACMA DA RELIGIOSIDADE:
A vida religiosa de muitas famílias tem se limitado a “casar no religioso” ou “batizar os filhos” e, nada mais.
Depois, só no dia do enterro, ou numa grave enfermidade é que voltam a pensar em Deus. Outros, vão um pouquinho mais adiante: ainda vão aos cultos de Domingo. Mas, em casa, não há os cultos domésticos, não há vida de oração e de leitura Bíblica. Um certo homem, fez um comentário que vale citar aqui: “Hoje, quando projetamos nossas casas, é comum a sala ser bem grande, para o maior ídolo do lar (a televisão), aquela que dedicam mais tempo e atenção. Em muitas casas tem sala de TV, mas não tem sala de oração ou de culto doméstico. “CULTO DOMÉSTICO” chega a ser uma palavra pré-histórica. Poucos na nova geração sabem o que é. Jó fazia seu culto doméstico. Veja Jó 1:5 (veja o destaque no texto:- “Assim fazia Jó continuamente”.
• Creio que não será difícil você lembrar de outras dracmas/valores, que estão desaparecidos no lar. Mas não vamos nos deter mais tempo na tragédia, vamos procurar logo a solução. 

COMO REENCONTRAR AS DRACMAS PERDIDAS

I. DECIDA SER O HERÓI DA CASA:
Muitos pais procuram o pastor e pedem para dar um jeito em seu filho e vice-versa. Veja o 1º segredo do texto: Note que os verbos estão na 1ª pessoa do singular: “EU PERDI, EU ACHEI”. Foi também ela que procurou, não foram as vizinhas que vieram varrer sua casa. Não foi procurar o pedreiro que havia construído a casa.... Ela mesmo decidiu procurar.

NOTA:
Você quer que alguma área seja restaurada em seu lar?
Está procurando a dracma/valor perdido?
Está varrendo a sujeira (poeira) para poder achar?
Busque a Deus para Ele usar você, para achar estes valores e diga: “Eis me aqui Senhor, envia-me a mim”. (Isaías 6:8)
DITADO: As pessoas tentar justificar-se dizendo: Na bíblia está escrito que “SANTO DE CASA NÃO FAZ MILAGRES”. Nunca vi isto na Bíblia, mas li o contrário: que os ensinos de Jesus através de Paulo e outros, dizem que nós podemos influenciar nosso lar. Leia: I Pedro 3:1-2
No texto de II Reis 4:26 existe uma ordem nas palavras que chama nossa atenção: “Vai tudo bem? Contigo, com teu marido, com o menino? Notem: Primeiro preciso estar bem comigo para depois estar bem com minha casa”.
II. VALORIZE OS PEQUENOS DETALHE
A mulher tinha 10 dracmas/valores, perdeu apenas uma. Ficou com 9 valores (a maioria). Mas, antes de perder a segunda ou a terceira, parou para costurar a carteira. Parou para correr atrás do prejuízo. (detalhes)
OBSERVAÇÃO: Museu de Manaus – AM. Lá você poderá encontrar uma dracma (pequenina e de pouco valor). A broca (inseto) também é pequenina, mas aos poucos corrói toda a estrutura de um gigantesco armário.
PEQUENOS DETALHES:
Bom dia/boa noite - Parabéns no aniversário
Escovar os dentes - Usar desodorante - Roupas espalhadas
Estes são alguns pequenos detalhes, entre tantos, que você poderá relacionar. Peça sabedoria a Deus. Tiago 1:5
III. NÃO ACEITE O CAOS COMO ALGO NATURAL:
O texto nos diz que a mulher PROCURA a moeda, isto é, ela não assentou na cadeira da comodidade dizendo: “a vida é assim mesmo! É comum perder uma moeda tão pequena. Deixa prá lá!” Não! Ela reagiu, se esquentou, foi atrás. ELA PROCUROU!
OBSERVAÇÃO: Quantos em sua casa se assentam na cadeira da comodidade, sempre achando que “o mundo é assim mesmo, não tem jeito de melhorar”, ou afirmando: “todo o marido é safado mesmo”, ou “todo adolescente tem que usar drogas...”, ou ainda: “toda mulher é lamurienta mesmo!”
Deus não fez, meu querido irmão, seu lar para ser um inferno, e, se está sendo, precisamos reagir, ir à luta, como é o caso de ABIGAIL, relatada em I Samuel 25:1-44.
A verdade é que muitos não acham nada porque não estão procurando. Decida, agora, um meio de salvar seu lar. Decida, agora, investir na procura de uma restauração da alegria em seu lar.
IV. HUMILHE-SE PARA FAZER MUDANÇAS
Veja os textos: Lucas 14:11; Filipenses 2:8; Tiago 4:10; I Pedro 5:6. A mulher “VARREU A CASA”. Varrer incomoda quem se prontificou a assentar; varrer incomoda a poeira ou sujeiras que já se “tornaram parte” da mobília. Quem sabe, é isto que esta faltando em sua casa: Uma varridinha em:
Sua boca, para produzir novas palavras. Provérbios 18:21; 21:23; Tiago 3:10.
Seu tempo, para que você o administre melhor e tenha tempo para Deus. Eclesiastes 3:1-8
Em suas prioridades, pois poderá ser que os valores que estão perdidos estejam bem relacionados a isto.
Nota: Coloque-se em oração para que o Espírito Santo lhe ajude a entender quais “os cantos que precisam ser varridos”.
V. SEJA DILIGENTE
A expressão do texto é fortíssima: “ATÉ ENCONTRÁ-LA”. Seja obsecado por este propósito. Ela só parou de procurar quando encontrou a dracma/valor. Há os que procuram os valores perdidos dentro de casa, como menino mal mandado: dá só uma olhadinha por cima e diz que não encontrou. Procuram com tanta má vontade, com tanta preguiça que, mesmo estando próximo do que procuram, não encontram.
CONSELHOS:
Não é só procurar e dizer: “Eu não achei! Não adianta procurar!”;
Coloque a restauração do seu lar como o seu maior ideal de vida;
Não desista facilmente, vá em frente:
a) Procure um método
b) Procure um meio correto
c) Procure uma benção de Deus
d) Procure um casal amigo/ajuda.
Leia Mateus 7:7; Tiago 5:8; Ezequiel 34:4; Salmos 18:6-7; Isaias 55:6; Mateus 18:10-14
VI. SOBRETUDO, ACENDA A CANDEIA
Comentamos por último, porém:
Foi a primeira coisa que ela fez;
No escuro ficaria difícil procurar;
Em João 8:12 diz para nos envolvermos de forma séria com Jesus; Ele iluminará sua história, sua casa, sua vida, etc.
Talvez você diga: “Mas eu sou religioso, eu tenho Jesus”. Ter Jesus do ponto de vista humano e religioso não basta. Você precisa é nascer de novo (II Coríntios 5:17).
Com a unção do Espírito Santo, a possibilidade de dar certo e de se achar o que se está procurando é maior. Vejam que não estou falando no sentido de se ter algum dom espiritual como: profecias, línguas estranhas, etc., e sim, mais propriamente, dos frutos do Espírito (Gálatas 5:22-26) que, com certeza, ajudarão em muito para a restauração de muitas áreas que estão deficitárias.
NOTA: Tem gente sofrendo porque perderam dracmas em sua casa e sofrem mais porque estão procurando e não acham. Estão cansados, desesperados e desanimados.
O que falta? Acender a luz! Quanto a isto é preciso sempre esclarecer uma coisa, pois alguns dizem: “mas eu já sou religioso, gosto de Jesus, creio nele!” A Bíblia diz que até o diabo crê em Jesus e treme (Tiago 2:19).
Ter Jesus é mais que isto, é entregar-se totalmente à Ele, deixando-O dirigir a sua vida pela leitura da Bíblia, procurando sempre estar em comunhão com Ele pela oração. E ainda se dispor a servi-LO.


"Quando DEUS trabalha O HOMEM muda!
Contatos: (85).8857-5757.
profabdias@gmail.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...